Sempre




Passam-se os dias. Contamos os minutos e as horas. O que já passamos, o que ainda contamos passar. O que crescemos, o que mudamos, o que largamos. Hoje, talvez pela nostalgia do dia que me recorda quem já perdi, sinto ainda mais vontade de estar com quem escolhi. Quem me deixou nervoso naquele banco enquanto o meu olhar se perdia na imensidão do mar. O provocador de cada sorriso, de cada brilho no olhar.

Everything comes back to you. Sempre. Que assim seja. Sempre. Mesmo que nos percamos no caminho. No nosso caminho. 


C

0 comentários: